Entry #5, Aula Portuguesa 339

“Não é preciso força. Basta que a boca solte a frase engatilhada e o outro morre na sintaxe de emboscada.”  -Affonso Romano de Sant’Anna, “Cilada Verbal”

As vezes eu ia preferir uma briga de mão em vez de ser atropelado por palavras dolorosas. Há duas maneiras (talvez mais, mas estas são as duas mais comúns) de ferir um inimigo: fisicamente e emocionalmente. Uma briga pode ferir uma pessoa físicamente e emocionalmente, e uma briga de palavras normalmente deixa a gente ferido emocionalmente. Mas ser ferido emocionalmente também tem consequências físicas. Uma pessoa que tem a mente cheia de culpa ou dor normalmente pode sentir efeitos físicas, porque a mente controle ações, e ações efeitam o corpo. Por algumas pessoas que não são impressivas físicamente, a única maneira defenderem-se é para usar palavras, ou uma “sintaxe da emboscada.” E as pessoas que são mais lentos em pensar normalmente usam o corpo para defenderem-se. Acho que pessoas devem usar seus talentos de ferir com cuidado. Todos nós temos que lembrar que as vantagens que temos em vida normalmente vem conosco quando nascermos. Acho que uma pessoa não é justificada em pensando que é melhor do que outros por causa de um dom de graça de Deus ou Natureza.

Advertisements
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s